Indústria

Sexta-feira, 15 de Novembro de 2019, 09:51

Tamanho do texto A - A+

EM MATO GROSSO

Governo procura industriais para que possam aderir ao gás natural

Por: Assessoria de Imprensa AEDIC

Empresários do Distrito Industrial de Cuiabá participaram de uma reunião com representantes da Companhia Mato-grossense de Gás (MT Gás), que foram até o distrito para apresentar os benefícios do gás e as linhas de crédito disponíveis às indústrias que queiram aderir ao uso do gás natural. O encontro foi realizado na sede da Associação das Empresas do Distrito Industrial de Cuiabá (AEDIC), na noite de terça-feira (12).

O governo de Mato Grosso firmou contrato com o governo da Bolívia prevendo o abastecimento de 1,5 milhão de m³ mensais de gás natural ao estado. Durante a reunião, o presidente da MT Gás, Rafael Reis, explicou que o contrato garante a oferta ininterrupta do gás natural no mercado por pelo menos 10 anos.

Ainda de acordo com Rafael Reis, o governo do Estado trabalha para lançar, em 2020, um edital para canalização do gás até o Distrito Industrial. A intenção é dar todas as condições para o crescimento da cadeia do gás. O produto poderá ser usado pela indústria e, também, como combustível para veículos.

A presidente da AEDIC, Margareth Buzetti, apontou as vantagens do gás natural, como o preço mais competitivo e o fato de ser considerado uma energia limpa, mas frisou que são necessárias condições de estabilidade no fornecimento. “O empresário precisa de estabilidade, precisa ter certeza de que o fornecimento será contínuo por um longo período, sem interrupções. Fazer a conversão para o uso do gás é um processo caro e a indústria só pode fazer isso se tiver estabilidade no fornecimento”.

A AEDIC é composta por aproximadamente 250 empresas que atuam em variados segmentos, muitas sendo líderes em sua área, comercializando sua produção para todo Brasil e para o exterior, como fábrica de pães e derivados, transformadores elétricos, indústria de tintas, recapagens de pneus e borrachas, entre outros. Implantando em agosto de 1978, o Distrito está instalado às margens da BR-163 ocupando uma área de 695 hectares.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei