Indústria

Domingo, 07 de Outubro de 2018, 09:08

Tamanho do texto A - A+

UTILIZARÁ MILHO

Obras de usina de etanol Inpasa em Sinop estão em ritmo acelerado e operação deve iniciar em julho

Por: Viviane Petroli

Da Redação Mato Grosso Agro

Foto: Prefeitura de Sinop

Inpasa Obras

 

As obras da usina de etanol Inpasa em Sinop estão em ritmo acelerado. A previsão é que a usina de grupo paraguaio entre em operação em julho de 2019. As informações são da Prefeitura de Sinop. A previsão é que 1,5 milhão de litros de etanol de milho sejam produzidos por dia na unidade localizada no município mato-grossense.

A multinacional Industria Paraguaya Alcoholes S.A. (Inpasa) anunciou em novembro de 2017 investimentos na ordem de R$ 500 milhões, na ocasião, segundo o Governo de Mato Grosso, para a construção da maior usina de etanol de milho do Brasil no município de Sinop. A Inpasa é hoje a maior produtora de etanol de milho da América Latina.

No último dia 02 de outubro a prefeita de Sinop, Rosana Martinelli, e o vice-prefeito Gilson de Oliveira, visitam o canteiro de obras da usina de etanol de milho Inpasa. De acordo com informações da Prefeitura, o gerente do empreendimento Fernando Alfini informou que a previsão para o início das operações é julho de 2019. "Está dentro do cronograma e a nossa previsão é que em julho do ano que vem a usina já esteja produzindo", declarou Alfini para a prefeita.

As obras da Inpasa em Sinop contam com cerca de 700 colaboradores e a estimativa é que a unidade em Sinop produza 1,5 milhão de litros de etanol de milho por dia quando estiver pronta.

Presente na visita da prefeita Rosane Martinelli ao canteiro de obras, o diretor-presidente da Inpasa, José Odvar Lopes, revelou que toda a produção de etanol de milho da unidade servirá para abastecer mercados vizinhos, como Rondônia.

"Essa empresa consolida a industrialização do município a proporções maiores porque nós temos várias empresas de pequeno e médio porte, mas essa significa uma proporção muito maior de industrialização", frisa a prefeita de Sinop.

Na avaliação do secretário de Desenvolvimento Econômico de Sinop, Daniel Brolese, a instalação de uma empresa como a Inpasa "É a virada de chave para o setor da economia, pois ela vem agregar para o nosso produtor. Uma empresa que vai movimentar R$150 mi por mês simboliza uma importância muito grande para a arrecadação de impostos. Sinop é presenteado com esse investimento, com a maior empresa de etanol da América Latina. Nós vamos seguir em frente e trazer mais indústrias para desenvolver a nossa cidade, a nossa região".

Avalie esta matéria: Gostei +4 | Não gostei