Capacitação

Sexta-feira, 14 de Junho de 2019, 17:13

Tamanho do texto A - A+

EM JUNHO

Nutripura realiza dia de campo sobre o papel da pecuária no sistema ILP

Por: Viviane Petroli

Da Redação Mato Grosso Agro

Foto: Embrapa Agrossilvipastoril

gado

 

O Sistema de Integração Lavoura Pecuária (ILP) será o foco da 9ª edição do Simpósio Nutripura. O evento, que irá reunir produtores rurais, formadores de opinião, pesquisadores e estudantes, ocorre nos dias 28 e 29 de junho em Rondonópolis com o tema “O Papel da Pecuária no Sistema ILP”.

A Nutripura destaca que serão abordados no evento, também, temas relevantes para que se tenha sucesso na Integração Lavoura Pecuária, como empreendedorismo, mercado de insumos e da carne, sucessão no Agro e também ferramentas para gestão eficiente da atividade pecuária.

“Para se ter uma ideia, nós temos de 6 a 7 meses de período chuvoso quando temos capim com boa qualidade e disponibilidade e de 5 a 6 meses do que chamamos de período seco, quando a disponibilidade e a qualidade da forragem são menores. A integração lavoura pecuária permite que o animal pasteje capim verde nos doze meses do ano, o que impacta definitivamente na produção, pois o animal tem altas taxas de ganho de peso durante todo o período”, explica o diretor de pesquisa da Nutripura, Lainer Leite, quanto a adaptabilidade do Sistema de Integração Lavoura Pecuária às condições climáticas de Mato Grosso.

Conforme a Nutripura, o Simpósio será dividido em duas etapas, o primeiro dia no Espaço Ideias, em Rondonópolis, será dedicado às palestras com um grupo de pesquisadores e especialistas conceituados, como Geraldo Rufino, CEO da JR Diesel, um dos grandes empreendedores do Brasil, Alcides Torres fundador da Scot Consultoria, Shiro Nishimura membro do conselho do Grupo Jacto, Leandro Zancanaro pesquisador da Fundação MT, Luciano Resende diretor da Nutripura, Rodrigo Patussi coordenador de projetos da Terra Desenvolvimento Agropecuário, os pesquisadores da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da Universidade de São Paulo (Esalq/USP), Moacyr Corsi, Luiz Gustavo Nussio e Flávio Portela, além de Galen Erickson professor da Universidade de Nebraska (EUA) e Felipe Coral engenheiro agrônomo pela Esalq USP.

No segundo dia, acontece o dia de campo na Fazenda Palmares, no município de Itiquira, onde sete palestrantes vão explanar sobre integração lavoura pecuária e confinamento divididos em sete estações distribuídas pela propriedade. “A ideia é fazer um evento bem dinâmico. A fazenda Palmares Cultiva soja, algodão e milho, além de produzir carne com muita eficiência. É um exemplo prático de caso de sucesso de quem se propôs a realizar integração lavoura pecuária. Tudo isso será mostrado detalhadamente no dia de Campo”, destaca Lainer Leite.

Avalie esta matéria: Gostei +1 | Não gostei