Pecuária

Segunda-feira, 16 de Setembro de 2019, 12:20

Tamanho do texto A - A+

RIO GRANDE DO SUL

Otimismo do setor alavanca negócios da Alta na Expointer 2019

Por: Assessoria de Imprensa Alta Genetics

Em busca de genética superior, os pecuaristas movimentaram o estande da Alta na 42ª Expointer, em Esteio (RS). Com clima de otimismo do setor, a Central registrou crescimento de 35% nos negócios se comparado ao último ano.

“A Expointer confirmou mais uma vez a posição de liderança da Alta no mercado de melhoramento genético bovino e, também foi fundamental para estabelecermos novos relacionamentos e fortalecer os laços que já temos com a cadeia", destacou o Gerente Distrital da Alta, Jorge Duarte.

Mas, não foi apenas nas comercializações que vieram os bons resultados, a bateria taurina da empresa também foi destaque em importantes sumários e disputas nas pistas. Na divulgação do Sumário de Touros Hereford Promebo, a liderança ficou, pelo segundo ano consecutivo, com o reprodutor Lord, da seleção Estância Mauá, em coleta na Alta.

“Lord é considerado o melhor touro para as características: índice final, índice desmama, conformação, precocidade, musculatura e tamanha à desmama e ao sobreano, ganho de peso da desmama ao sobreano e, ainda, para perímetro escrotal”, lembra o Gerente de Corte Taurino da Central, Miguel Abdalla.

Também no Sumário Promebo, o touro Chivas, foi consagrado líder da raça Red Angus (PO). Excelente combinação de pedigree Argentino com Nacional, o reprodutor é filho de Black Watch, na matriz EPV paloma 886.

Outra importante conquista veio da raça Angus. Dos 10 touros Deca 1 no Sumário Promebo Angus, que possuem sêmen em centrais, 60% estão na Alta. “É uma grande satisfação ter nossa liderança comprovada mais uma vez. Estamos em constante busca de animais superiores para entregar sempre a melhor genética para cada estratégia de rebanho”, acrescenta Abdalla.

Houve ainda a consagração do reprodutor Roger como melhor touro Angus para índice de desmama no Sumário Promebo. Roger, é originário da Cia Azul, renomada cabanha na criação da raça, e foi selecionado através do Teste de Progênie de 2017.

O touro Umbu, da bateria taurina na Alta, também foi condecorado pelo segundo ano consecutivo com mérito Difusão Genética Nacional pela raça Angus, na premiação concedida pela Associação Nacional de Criadores Herd-Book Collares (ANC). Umbu, de Caio Cezar Fernandez Vianna, foi o touro que mais registrou animais da raça neste ano.

Nas pistas, os filhos da genética da Alta também conquistaram posições de destaque. Na raça Angus, o Campeão Terneiro Menor foi o touro São Bibiano Líder 7995, filho do consagrado Curú, do criatório JYA Blanco Villegas, em coleta na Central. Na categoria Angus Rústicos, o Melhor Macho PC foi o reprodutor Tradição 2450, da Estância Tradição, filho do notável Retruco, também da bateria Alta, eleito Melhor Touro PC, na Exposição Nacional de Rústicos (Expointer 2015). Já na raça Brangus, a vaca Juquiry Black TE8369 Arandu TE7089, filha do reprodutor Arandú, da bateria taurina, conquistou o título de Reservada Grande Campeã Adulta.

Além disso, pelo segundo ano consecutivo a Alta/Progen promoveram no estande workshops sobre temas relacionados à bovinocultura de corte, levando informações técnicas para seus clientes melhorarem seus resultados.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei