Pecuária

Quinta-feira, 14 de Junho de 2018, 11:13

Tamanho do texto A - A+

MATO GROSSO

Vacinação contra aftosa encerra dia 15 de junho

Por: Viviane Petroli

Da Redação Mato Grosso Agro

Foto: Francisco Alves/GCom-MT

aftosa

 

A vacinação contra a febre aftosa em Mato Grosso em animais de mamando a caducando encerra nesta sexta-feira, 15 de junho. A expectativa é que ao menos 29 milhões de cabeças de bovinos e bubalinos tenham sido imunizados nesta primeira etapa. Os produtores agora possuem até o dia 20 de junho para comunicar ao Instituto de Defesa Agropecuária do Estado de Mato Grosso (Indea-MT) a realização da imunização.

A primeira etapa da vacinação contra a febre aftosa em Mato Grosso deveria ter encerrado em 31 de maio, entretanto o Indea prorrogou para 15 de junho visto a greve dos caminhoneiros que comprometeu a logística da distribuição de vacinas.

Segundo o Indea, até o dia 11 de junho 84,5% das propriedades haviam comunicado a vacinação nos escritórios do Indea, o que representa 83,2% do rebanho a ser vacinado nesta etapa.

O Indea pontua que os produtores rurais, além da relação de bovinos e bubalinos imunizados por idade e seco e nota fiscal das vacinas, precisam apresentar à autarquia a a quantidade de outros animais existentes na propriedade como aves, carneiros, cabritos, cavalos, burros, jumentos, porcos, peixes, cães e gatos.

A multa para quem deixar de vacinar o rebanho dentro do período da campanha é de 1 UPF (Unidade Padrão de Fiscal) por cabeça de gado não vacinado. Além disso, o produtor que atrasar a comunicação fica impossibilitado de emitir a Guia de Trânsito Animal (GTA) por um período mínimo de 30 dias.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei